Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Histórias Irreais

São pedaços de vida, são desabafos de uns e outros, são partilha

São pedaços de vida, são desabafos de uns e outros, são partilha

Blogs, passatempos, marcas e afins

Hoje o texto não é história, é a minha opinião sobre alguns passatempos em alguns blogs.

Os passatempos proliferam nos blogs, alguns são de marcas bastante conhecidas em blogs de topo, claro, cada vez mais este é um meio de publicidade.

Nada contra, acho muito bem que exista bloguers profissionais, Portugal até está bastante atrasado nesta questão.

O que me mete confusão, como aconteceu no inicio desta semana, é os passatempos que nos pedem, NIF, Telm, e outros dados pessoais.

Vi em 7 ou 8 blogs, os maiores a nível nacional, todos na segunda feira tinham o mesmo passatempo, foi uma enchente, o passatempo é este  (e não, não me pagaram) este passatempo pede tudo isto, não tem site, tem só a página do passatempo, nem marca, nem vende nada, só por aí é estranho, dão 3.900 euros???? porquê?  que proveito tiram? ninguém dá nada a ninguém. E já tem 17963 participações.

 

Depois para além de ser maior de idade é necessário que o NIF e Código Postal estejam associados a "contrato de arrendamento de habitação, mutuários num contrato de empréstimo contraído apara a aquisição de habitação própria permanente ou proprietários de imóvel de habitação permanente".

 

Ninguém acha isto estranho? As bloguers ditas profissionais não se informam do que publicitam? é que para mim não basta dizer no passatempo "Concurso Publicitário nº 10/2016 autorizado pela Secretaria - Geral do Ministério da Administração Interna “Prémios em cartão não convertível em dinheiro”

 

Eu sei que só participa quem quer, mas as dificuldades são muitas e as pessoas ás vezes são levadas por estas coisas, convêm serem bem informadas.

Eu vi isto em blogs que gosto, o caso da Pipoca, (a única que o publicitou dois dias depois) da Capazes  (onde escrevo uns textos também) e da Ana Galvão  ( Uma profissional de rádio que muito gosto e juntamente com o marido  Nuno Markl são um casal em permanente luta pelos animais).

Entristece-me não existir um maior cuidado com os leitores, neste caso em especifico. Os dados pessoais valem dinheiro, todos sabemos, mas não gosto que bloguers que tenho consideração e gosto de ler, pactuem com isso.

Vai na volta daqui a uns dias isto é de uma marca top e o mistério é desfeito e este texto é só parvo.

Sobre blogues

 

Há muito, muito tempo, mais precisamente em 2006 criei o meu primeiro blogue.

A vida da blogoesfera era diferente, não existia milhares de blogues e parecendo que não faz muita diferença, são milhares de opiniões, pessoas com vivências diferentes.

Os blogues começaram a nascer como cogumelos, esses fungos saborosos mas que também podem ser venenosos.

E alguns são, muito.

Os blogues e redes sociais em geral são usados como armas de arremesso, atacam tudo quanto mexe.

Onde um deslize pode ser abertura do noticiário das 20h, onde uma diferença de opinião nos pode levar aos píncaros da (má) fama.

De repente todos são juízes, todos julgam e condenam, fazem exactamente o que condenam com o argumento da liberdade de expressão, tão em moda.

Ás vezes questiono como será o futuro, vejo tanta maldade, tanto egoísmo, inveja, tanta gente a querer o mal dos outros que me assusta.

O que devia ser um meio de convívio, tornou-se quase uma selva, onde todos querem ser Leão.

Como gosto mais de gatos, fica a ideia #deixemosgatinhosviver.

 

 

blog-blog-blog.jpg Imagem Google

 

 

 

 

Vitória Antunes

Arquivo

Todos os textos são da autoria de Vitória Antunes. As fotos são retiradas do Google imagens, se alguém se sentir lesado entre em contacto, serão retiradas.

Mensagens

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.